Discussão criada em 10/05/2011

Alteração Auricular

Buscando informações técnicas para publicar na Engormix, gostaria de comentar o caso clínico apresentado no site Suinotec, “Problema de alteração em orelhas de leitões de terminação”. O veterinário chamado a atender o caso, notou o aumento de volume em uma das orelhas, foi realizada uma punção e não houve saída de líquido. O caso descrito afetou 23 animais, com aproximadamente cem dias de idade, eram de diversas origens; e estavam distribuídos em sete baias. Gostaria de contar com comentários dos médicos veterinários e demais profissionais sobre que poderia haver ocasionado o aumento de volume do pavilhão auricular. É um problema comum nas granjas? Como evitá-lo? Espero seu comentário.

remove_red_eye 2445 forum 9 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ermete Antonio Wegher Ermete Antonio Wegher
Médico Veterinário
13 de Maio de 2011
Bom dia:Pela foto apresentada alem do aumento do pavilhão auricular nota-se uma area com hematoma,logo podemos pensar num caso de Otohematoma.O problema decorre do rompimento e hemorragia de vasos da orelha.A causa é consequente a traumatismo provocado pelo proprio animal movimentando fortemente a cabeça.Pode ocorrer mais frequentemente numa unica orelha,mas tambem nas duas.Inicialmente a tumefação dem consistencia flutuante,mas com o tempo o conteudo coagula e a consistencia torna-se firme.Talvez por isso a punção não tenha apresentado vasamento.A sarna sarcóptica e picadas de inetos são fatores predisponentes induzindo os animais a produzirem os traumas.A punção não é recomendada para evitar contaminação local.Não ha tratamento e o recomendado é separar os animais afetados.A prevenção consiste em controlar os fatores predisponentes.
Wegher
Responder
Prof. Roberto de Andrade Bordin Prof. Roberto de Andrade Bordin
Doutor Ciencias Veterinárias (Sanidade); Mestre em Zootecnia (Nutrição e Produção Animal); Médico Veterinário
19 de Maio de 2011
Olá amigos...um hematoma auricular apenas externo? ou temos uma situação em ambos os lados?...sem líquido local...hematoma por traumas de hierarquia...é comum quando formamos lotes de diversas origens ou mesmo reformatamos lotes para etapas seguintes...isto pode estar associa a desuniformidade dos animais...evitar o processo pode ser fácil se tivermos lotes e não reformatarmos...alojar os lotes sem mistura ou mistura lotes com maior uniformidade. Desculpe os erros mais o editor não retorna para a palavra errada o texto não tem como corrigir...
abs
Responder
20 de Maio de 2011
Bom dia. Pela foto, pelas informações epidemiológicas e pela ausência de liquido no local parece-me que setrata de um processo infeccioso auricular produtivo, provavelmente restrito aalgumacontaminação existente nessa granja. Sugiro fazer alguns exames laboratoriais na tentativa de elucidar o caso. Sacrificar um animal ecolher material para exames histopatológico e bacteriológico. No exame histopatológico, alem do exame de rotina é importante solicitar algumas colorações especiais para visualização de espiroquetas, fungos e bactérias.

Morés
Responder
Prof. Roberto de Andrade Bordin Prof. Roberto de Andrade Bordin
Doutor Ciencias Veterinárias (Sanidade); Mestre em Zootecnia (Nutrição e Produção Animal); Médico Veterinário
23 de Maio de 2011
Sem dúvida um levantamento microbiológico será fundamental - retirada de líquido e raspado da lesão para verificação de fungos e bactérias.

abraços
Responder
maicon tortora maicon tortora
Técnico Agropecuário
6 de Junho de 2011
othoemathoma e caso comum de um manejo no momento de segurar os leitoes pela orelha fazendo com q algum vaso acabe estourando...neste caso o q tenho notado na granja ....a orelha aumenta o volume pelo liquido e no mesmo momento por forte febre localizada fazendo com q a orelha começe a ficar manchada!!!!!
Responder
9 de Dezembro de 2013

Olá, amigos. Pelo que percebe-se na imagem ocorreu rompimento de algum vaso sanguíneo. Trabalhei algum tempo com leitões em crescimento e pelo que conheço, levantar os animais pela orelha pode ocorrer o rompimento dos vasos, e com o passar do tempo, esse rompimento, o sangue acumulado na orelha, se transforma em água ou em pus. O procedimento de retirada deste líquido da orelha do animal pode ser feito através de um pequeno corte em forma de X na parte de baixo da orelha. Medicar o animal contra infecção diminui a dor e acelera o processo de cicatrização.

Responder
Rogério Paulo Tovo Rogério Paulo Tovo
Médico Veterinário
18 de Dezembro de 2013

Caros Senhores, a foto e histórico clínico fecham com paquidermia auricular, causada por Actinobacillus ligneresii, pós algum manejo injetável contaminado. Abraços, Rogério Tovo - Méd. Veterinário

Responder
Ermete Antonio Wegher Ermete Antonio Wegher
Medico veterinário
26 de Dezembro de 2013

Bom dia, amigos, 
A opinião de diversos profissionais é um sinal de que o episódio é raro. Se o manejo com os animais é correto, fica afastada a hipótese de uma ruptura de vasos. Neste caso é válido o diagnóstico do colega Rogerio. Quem poderá elucidar o caso é o próprio suinocultor caso tenha aplicado alguma vacina na base da orelha dos animais sugerindo uma contaminação pelo Actinubacillus, veiculada pela agulha. Se este é o caso, o tratamento recomendado é com injeções intramusculares de penicilina+estreptomicina no mínimo de 3 repetições. Agora, se os animais que formaram o lote vieram de diferentes origens e não tiveram nenhuma intervenção com uso de agulhas contaminadas, prevalece o diagnóstico de traumatismo com rompimento de vasos. Um abraço. Ermete Antonio Wegher

Responder
Gustavo Bernart Gustavo Bernart
Medico Veterinário
28 de Janeiro de 2014

Isso, concordo plenamente com o que os senhores abordaram. É observado a campo as práticas errôneas do manejo de aplicação de vacinas e medicação IM, e alterações como esta são observadas (principalmente creche, e terminação, onde há ainda falhas em local de aplicação, uso de superdosagens, entre outras).

Responder
1
print
(2445)
(9)
Deseja opinar nesta discussão sobre: Alteração Auricular?
Engormix se reserva o direito de apagar e/ou modificar os comentários. Veja mais detalhes
Comentar
Criar nova discussão :
Se essa discussão não abrange temas de interesse ou levanta novas questões, você pode criar uma outra discussão.
Consultar um profissional em particular:
Se você tem um problema específico, você pode executar uma consulta em particular a um profissional em nossa comunidade.
Luiz Sérgio Merlini
Luiz Sérgio Merlini
Doutor
  Maringá, Parana, Brasil
 
   | 
Copyright © 1999-2019 Engormix - All Rights Reserved