Ver:
Artigo publicado em 2 de julho de 2014
Introdução Entre as opções de forrageiras perenes de verão para o Sul do Brasil, a espécie Hemarthria altissima cv. Flórida tem sido utilizada como uma importante alternativa de forragem para a alimentação animal, caracterizando-se pelo rápido estabelecimento e alto potencial forrageiro, com ênfase no período de pr ...
remove_red_eye 1943
forum 0
Participação no fórum de 30 de julho de 2012
Parabéns Vagner! Uma excelente revisão, apresentada de forma didática e fácil de ler. Com certeza será muito utilziada por técnicos e produtores!
0
0
Artigo publicado em 27 de junho de 2012
Introdução As gramíneas forrageiras perenes de clima tropical se constituem em uma alternativa viável na alimentação animal, dado ao seu alto potencial de produção e relativo baixo custo (Botrel et al., 2000). Na região do Planalto Norte Catarinense (PNC) se observa o uso de poucas espécies forrageiras perenes e, não ra ...
remove_red_eye 639
forum 0
Participação no fórum de 18 de agosto de 2011
Bom dia, Augusto. Com relação ao frio, a hemarthria "queima" com as geadas, mas rebrota a partir do final de outubro. O importante é cuidar da fertilidade do solo para permitir que essa espécie perenize. O ideal é manter o pH em torno de 5 e a matéria orgânica acima de 3,5 ou mais. Não conheço pessoalmente cultivos em solos arenosos, mas tanto em arenosos quanto em argilosos, a maioria das forrag ...
0
0
Participação no fórum de 18 de agosto de 2011
Bom dia, Augusto. A Hemarthria altissima cv. Flórida tem sido a forrageira mais recomendada para ovinos em SC e a melhor época para plantio é de novembro a maio.
0
0
Participação no fórum de 3 de junho de 2011
Bom dia, Dario. Infelizmente, não tenho dados sobre o cumaru. Mas, a leucena é uma árvore interessante para uso forrageiro, pois fixa muito nitrogênio, via rizhobium, e este nitrogênio fica sim disponível nas folhas, em forma de proteína, para os animais. Seria uma espécie interessante para sistemas silvipastoris, desde que se consiga fazer um manejo rigoroso com relação ao controle de novas plan ...
0
0
Participação no fórum de 11 de abril de 2011
Caro Jorge, bom dia. Profissionalismo na questão da pecuária leiteira é tudo! E para sermos bons profissionais, sejamos técnicos ou produtores, é preciso muita formação. Isso significa, estudar bastante antes de implantarmos algo novo, porque o que é muito bom na minha região, pode ser um fracasso na sua, especialmente, em pastos perenes. Há três questões fundamentais que precisamos estudar bem a ...
0
0
Participação no fórum de 6 de abril de 2011
Caro Sérgio, No pastoreio rotacionado é possível sim, você fazer o cálculo de 50 m2/UA/dia. Trabalhamos há cinco anos aqui na região com pastagens perenes de verão como hemarthria cv. Flórida, missioneira-gigante (Axonopus catharinensis), estrela-africana e tifton e utilizamos com muito sucesso essa fórmula. O importante é entender que o cálculo é feito para o pasto na altura e densidade adequada ...
0
0
Artigo publicado em 4 de abril de 2011
Resumo  O objetivo deste trabalho foi avaliar a gramínea perene Hemarthria altissima cv. Flórida sob pastejo, no período de março/2007 a janeiro/2008 em três propriedades leiteiras na região do Planalto Norte de SC. Foram utilizadas áreas de um ha em pastejo rotacionado com um dia de ocupação e 28 a 35 dias de desca ...
remove_red_eye 5123
forum 12
Artigo publicado em 1 de março de 2011
RESUMO Foi avaliado o desempenho produtivo de vacas da raça Holandesa mantidas em pastagem consorciada de milheto (Pennisetum glaucum (L.) R. Brown) e feijão miúdo (Vigna unguiculata L.), recebendo ou não suplementação diária, durante o período de 18/12/2000 a 20/02/2001. Foram utilizadas 12 vacas multíparas, selecionadas pelo potenci ...
remove_red_eye 508
forum 0
equalizer Estatísticas: Artigos(4)
Informações
Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR, 1994) e mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS, 2002). Atualmente é pesquisadora da EPAGRI - Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina. Atua nas áreas de Zootecnia e Fitotecnia com ênfase em manejo de pastagens, sistemas silvipastoris, sistemas de produção agroecológicos e com pesquisa no uso de produtos alternativos para fertilização e correção de solos.
Localização:Florianópolis, Santa Catarina, Brasil
Perfil: Profissional