“Acreditamos que vamos superar o momento de crise”, defende Turra

Publicado: 26/07/2018
Fonte : Associação Brasileira de Proteína Animal - ABPA

A reversão da espiral negativa em torno do clima de crise setorial foi a principal defesa do presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Francisco Turra , durante sua apresentação no Global Agribusiness Forum (GAF), ontem, em São Paulo (SP).Palestrando no painel “o consumo de Proteína direcionando a expansão ag...

remove_red_eye 282 forum 11 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Osler Desouzart Osler Desouzart
Consultor
26 de Julho de 2018
E bom ver nosso Ministro e Presidente de volta à luta
Responder
26 de Julho de 2018
Com plena convicção superaremos. O Brasil e os brasileiros são muito maiores que esses problemas pontuais. É lamentável ver pessoas opotunistas querer se promoverem diante das cadeias produtivas agropecuárias que já contribuíram muito para o desenvolvimento nacional e mundial. Temos muitas virtudes e fortes credenciais para alimentar melhor o Brasil e contribuir para a redução da fome no mundo.
Responder
Mauro Renan Felin Mauro Renan Felin
medico veterinario
26 de Julho de 2018
Excelente afirmação do Dr. Turra. Precisamos defesa ao nossos interesses e ele tem autoridade para tal. Muito obrigado.
Responder
27 de Julho de 2018
Saber do avanço tecnico,na Criação de aves tras muitos benefivios na diets humana. Vou acompanhar o evoluir destas tecnicas.
Responder
Paulo Martins Paulo Martins
Diretor Técnico e Comercial BioCamp Laboratorios
27 de Julho de 2018
Dentre as inúmeras frases e argumentos verdadeiros, do texto do ex-Ministro Turra, destaco uma que, para mim, é o mais importante: “...mudança de postura setorial em relação aos problemas de imagem enfrentado nos últimos meses”.
Creio que temos que voltar no tempo, fazer o “mea culpa”, e reintroduzir o tradicional modelo de gestão por qualidade & produtividade, e não nos guiarmos apenas pelo “jovem e moderno modelo”, exclusivamente político-financeiro, que nos conduziu a crise atual.
Com excesso de qualidade, que sempre tivemos, e temos, gastaremos muito menos energia para argumentar com nossos clientes, países e blocos econômicos.
Responder
1 de Agosto de 2018
Paulo Martins , muito relevante sua manifestação. Sabemos que todo conceito que não evolui, torna-se um preconceito que provoca amarras difíceis de cambiar. Neste caso, estas turbulências que formaram parte da nossa "tempestade perfeita" devem servir, sem sombras de dúvidas em minha opinião, para revermos diversos conceitos antigos e reestruturarmos este setor que tanto nos orgulha; o tema é que passamos muito tempo só no orgulho de que a avicultura brasileira era a melhor, a mais desenvolvida, etc. e, esquecemos de fazer o trabalho de casa, o básico e, isto ainda agravado pela busca de resultados "politicos-finaceiros" de jovens que vieram de fora do segmento e confundiram frango com "banco". Grande abraço ao Amigo!
Responder
Paulo Martins Paulo Martins
Diretor Técnico e Comercial BioCamp Laboratorios
1 de Agosto de 2018
João Batista Lancini Comentários sábios e irretocáveis!
Responder
31 de Julho de 2018
Isso é excelente.
Responder
Matemático Arturo Gómez Matemático Arturo Gómez
Mestre em Matemáticas
1 de Agosto de 2018
O fundamento da qualidade, não é o lucro. O fundamento da qualidade é o serviço. Caso a qualidade não fosse tão lucrativa, ainda assim as empresas deviam preferir seguir uma política de qualidade sobre uma politica de lucro.

Trabalhamos ou emprendemos para nos sustentar e para ser útiles à sociedade que integramos. Poderá até ser que isso nos de mas dinheiro do que realmente necessitamos, mas esse extra de dinheiro não deveria ser nunca o objetivo.

A medida que vajamos substituindo esse conceito de lucro predatorio por outro de serviço iremos evoluindo para uma humanidade melhor.
Responder
Paulo Martins Paulo Martins
Diretor Técnico e Comercial BioCamp Laboratorios
1 de Agosto de 2018
Matemático Arturo Gómez Para mim suas palavras são mais que verdadeiras.
Entretanto, como fazer com que os jovens administradores, QUE NÃO CONHECEM O AGRO, e caem de paraquedas neste setor, aprendam, RAPIDAMENTE, o que disse nosso colega João Batista Lancini que "frango" não é "banco"!
Por outro lado, de quem é a culpa quando não há mais um "dono" ou um "clã" administrando?
O mesmo risco da transição de administração familiar, para profissional, é o risco de "profissional" para "financeira".
A meu ver a Familia Original jamais deveria se afastar, em demasia, do negócio.
Responder
2 de Agosto de 2018
nao sou agricultor mas sou filho de um . eles precisa de ser apoiado com todas as forcas do governantes e dos bancos porque um pais rico e aquele que produs muito alimento .este e um pais primeiro e ezemplo para outros e ter sempre alguem para acompanhalos nas qualidade
Responder
1
print
(282)
(11)
Deseja opinar nesta discussão sobre: “Acreditamos que vamos superar o momento de crise”, defende Turra?
Engormix se reserva o direito de apagar e/ou modificar os comentários. Veja mais detalhes
Comentar
Criar nova discussão :
Se essa discussão não abrange temas de interesse ou levanta novas questões, você pode criar uma outra discussão.
Consultar um profissional em particular:
Se você tem um problema específico, você pode executar uma consulta em particular a um profissional em nossa comunidade.
 
   | 
Copyright © 1999-2019 Engormix - All Rights Reserved