Plasma melhora o estado de saúde em todas as fases da produção

Publicado: 18/06/2021
Fonte : APC

O plasma é composto por uma mistura complexa de proteínas funcionais que têm um impacto significativamente positivo nos animais. Consumidas por via oral, as proteínas funcionais ajudam o sistema imunológico a responder com mais rapidez e eficiência. Isso ajuda os animais a usar sua energia para funções produtivas, em vez de usá-la para c...

remove_red_eye 78 forum 3 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
18 de Junho de 2021
e como distribuiria este plasma na ração e em qual proporçâo percentualmente?
Responder
Tiberio Belem Tiberio Belem
Marketing Coordinator
25 de Junho de 2021
Antonio de Souza Pereira A recomendação do uso de plasma varia de acordo com o desafio da granja e as fases de produção. Na fase pré inicial 1 e 2 de leitões de creche, por exemplo, em um ambiente com desafio comercial, a recomendação é de 5 e 2,5% nas primeiras duas dietas, respectivamente.
Em cenários com alto desafio, p. ex. em baias de recuperação, o ideal é aplicar top dress de 20 gramas/ dia em leitões de creche que foram para baia hospital ou 30 gramas/ dia em suínos de terminação em baia hospital ou de recuperação. Nestes casos, recomendamos de 7 a 14 dias de suplementação ou até que os sintomas desapareçam. Reforçamos a importância de um veterinário ou nutricionista sempre acompanhar os animais durante este período.
Para saber mais, acesse www.apcproteins.com/br e baixe o folheto de suínos com todos os detalhes dos nossos estudos.
Obrigado!
Responder
Aliton Nunes da Silva Aliton Nunes da Silva
Estudante de doutorado no Centro de Ciências Agrárias
13 de Outubro de 2021
Prezado, como sabemos o plasma é uma substância composta de proteínas funcionais, no entanto como foi citado na publicação esse plasma seria fornecido aos animais por via oral para proporcionar os possíveis benefícios citados principalmente a nível de sistema imunológico, contudo fica a dúvida de como acontece esse mecanismo de ação direta das proteínas do plasma ingerido no sistema imonologico, pois devido as ações ácidas e enzimáticas ao longo do sistema digestório, toda proteína ingerida perde sua estrutura e não são absorvidas como proteína, mas sim como aminoácidos e no máximo como pequenos peptideos. Existe algum estudo que comprove que as proteínas do plasma ao serem ingeridas não sofrem ações digestivas e ainda conseguem passar para circulação sistêmica para exercerem os benefícios citados na sua publicação?
Responder
1
print
(78)
(3)
Engormix se reserva o direito de apagar e/ou modificar os comentários. Veja mais detalhes
Comentar
Criar nova discussão :
Se essa discussão não abrange temas de interesse ou levanta novas questões, você pode criar uma outra discussão.
Consultar um profissional em particular:
Se você tem um problema específico, você pode executar uma consulta em particular a um profissional em nossa comunidade.
 
Copyright © 1999-2023 Engormix - All Rights Reserved