Impacto da inseminação artificial nos bovinos de corte em confinamento.

Publicado o: 14/08/2012
Autor/s. : Marcus Ferreira, Prof. Mestre em Ciência Animal, Faculdade Anhanguera de Dourados, MS; Vargas C.V., Graduando, Curso de Agronomia da Faculdade Anhanguera de Dourados, MS; Lempp B., Profa. Doutora., Depto. de Ciências Agrárias, Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD -,MS; Biasi A., Zootecnista, Fazenda Paquetá, MS, e Ferreira N.M.B., aluna, curso de Med. Veterinária, Faculdade Anhanguera de Dourados, MS.

1 INTRODUÇÃO. O principal objetivo da inseminação artificial é promover a melhoria da base genética do rebanho por meio da utilização de sêmen de reprodutores de elevada capacidade produtiva e reprodutiva e que possuam habilidade de transmitir características de importância econômica. Podem-se citar também out...

remove_red_eye 1579 forum 3 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
14 de Agosto de 2012
Acredito na evolução da pecuária de corte com adoção de novas tecnologia, promovendo o aumento da produtivida com a redução de área útil melhorando a qualidade da carne. A grande preocupação no momento momento seria escala e volume de produção para atender o mercado internerno e exportação conersiderando uma pecuária diversificada para cada região do país. Gostaria de saber como se comporta o sistema produtivo quando não existe preço diferenciado principalmente com a elevação dos custos de produção e a alta carga tributária. Obrigado
Responder
Romão Miranda Vidal Romão Miranda Vidal
Médico Veterinário
15 de Agosto de 2012
De fato o uso da I.A. permite uma escolha do ou dos padreadores, de acordo com o perfil zootécnico do rebanho. Uma seleção mais acurada das matrizes e, aqui então valeria a pena uma análise da retrospectiva produtiva e reprodutiva, para que se possa então adotar um sistema de I.A.. É sabido que existem organismos de credibilidade como a ANCP, Embrapa Gado de Corte que facultam aos interessados os resultados relativos as seleções dos melhores touros.
Que a I.A.é uma realidade econômica não se pode negar.Mas para que esta realidade se fortaleça necessário se faz, adoção de políticas pontuais, direcionadas e focadas em propriedades que possuam uma base sólida em termos administrativos e técnicos.Lógico que o rebanho de matrizes, nutrição, alimentação, sanidade, bem-estar-animal, boas práticas de produção animal, manejo e mão de obra colaboram para que os resultados finais apresentem se apresentem positivos.
Atenciosamente.
Médico Veterinário Romão Miranda Vidal.
Responder
Marcus Ferreira Marcus Ferreira
Pós-gradução em Veterinária
27 de Agosto de 2012
Politicas incentivo (redução ICMS) exemplo estado do Mato Grosso do Sul, de diferenciação de preços por qualidade existem, se esta pergunta fosse feita em 1998 a 2000 ai sim tinha uma grande dificuldade de responder, a minha resposta era na época (vendia touros Braford), quem tiver com qualidade vai se beneficiar e é o que esta ocorrendo hoje, enquanto uns apenas estão engatinhando muitos já estão correndo.
Quanto a credibilidade de programas de melhoramento genético não gostaria de entrar no mérito da questão, porem os dados do artigo acima são touros avaliados pelo programa da Conexão Delta G e quem faz a análise que resulta nas DEP’s e empresa Gensys, e os valores do sêmens utilizados são valores comercias e o processo de seleção realizado em rebanho comercial, e os touros do artigo não são PO e estão a disposição nas diversas centrais de IA,
Não esquecendo que os animais avaliados nao estão os 30% melhores da mesma era.
Responder
1
print
(1579)
(3)
Deseja opinar nesta discussão sobre: Impacto da inseminação artificial nos bovinos de corte em confinamento.?
Engormix se reserva o direito de apagar e/ou modificar os comentários. Veja mais detalhes
Comentar
Criar nova discussão :
Se essa discussão não abrange temas de interesse ou levanta novas questões, você pode criar uma outra discussão.
Consultar um profissional em particular:
Se você tem um problema específico, você pode executar uma consulta em particular a um profissional em nossa comunidade.
 
   | 
Copyright © 1999-2019 Engormix - All Rights Reserved