químico sorgo fungos armazenamento

Tratamento químico de grãos de sorgo úmidos visando o controle de fungos de armazenamento

Publicado o: 09/01/2013
Autor/s. :

Grãos de sorgo da cultivar BR 304 colhidos com 18,3 % de umidade, em base úmida, foram tratados imediatamente após a colheita com os seguintes produtos: solução de ácido acético (15,0%), solução de uréia (3,5%), thiabendazole (53,2 g La./100 Kg grãos), iprodione (28,0 g i.a./100 Kg) e óleo mineral (1,0% p/V) . Grãos sem tratamento químico e que receberam 1,0% de água p/V se constituíram em testemunha. Após o tratamento os grãos foram armazenados em sistema com aeração (tambores de 200 litros de capacidade, com fundo de tela de aço e sobre dutos de aeraçaão) e sistema sem aeração (tambores com fundo de metal, sobre estrados de madeira). O delineamento experimental foi o inteiramente casualízado com 12 tratamentos em 3 repetições. A eficiência dos produtos no controle de Aspergillus spp. e Penicillium spp. foi avaliada quantificando-se a porcentagem de grãos visualmente mofados aos 3, 6, 8, 10, 13, 15, 17, 20, 22, 24 e 35 dias de armazenamento. No sistema de armazenamento sem aeração, até aos 17 dias, os grãos da testemunha se mostraram com baixo nível de infecção por Aspergillus spp. Após essa data, os grãos da testemunha passaram a apresentar problemas em relação ao mofamento. Ressalta-se que no sistema aerado todos os tratamentos, inclusive a testemunha , se mostraram praticamente livres do ataque de fungos até aos 35 dias de armazenamento. No sistema sem aeração, até aos 24 dias de armazenamento os tratamentos com thiabendazole, iprodione e óleo mineral foram os mais eficientes no controle de fungos, com 1,0 ; 3,0 e 3,0% de grãos mofados, respectivamente. Com relação ao teor de umidade, aos 24 dias de armazenamento, os grãos estavam com 14,3 % e 17,6 % no sistema aerado e não aerado, respectivamente. Do exposto, conclui-se que os produtos thiabendazole, iprodione e óleo mineral protegeram os grãos de sorgo úmidos contra o mofamento causado por fungos de armazenamento, notadamente por Aspergillus spp.

 

*** O Trabalho foi originalmente publicado pela Embrapa Milho e Sorgo/1998.

 
remove_red_eye 34 forum 0 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
   | 
Copyright © 1999-2019 Engormix - All Rights Reserved