engormix
search
search

Podemos excluir totalmente o fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte que contém altas dosagens de fitase?

Publicado: 15/09/2021
Autor/s. : Jae Cheol Kim, Gerente Técnico APAC. Adaptado por Diego Parra, Gerente Técnico EMEA

O preço do fósforo inorgânico no mercado global aumentou significativamente devido a interrupções regionais e internacionais da cadeia de suprimentos causadas pelo surto de COVID-19. Portanto, é oportuno revisar estratégias alimentares para reduzir o uso de fósforo inorgânico na formulação de ração visando minimizar o impacto econômico do aumento dos preços do fósforo. Um grande volume de publicações científicas demonstrou que a adição de fósforo inorgânico pode ser significativamente reduzida através do uso de dosagens muito altas de fitase com a aplicação da matriz recomendada. No entanto, os nutricionistas da área comercial costumam usar uma abordagem mais conservadora para os valores nutricionais da matriz de fitase. Algumas justificativas para esta matriz conservadora de fósforo incluem (1) variação no nível de P fítico dos ingredientes da ração; (2) uso de valores de P fítico de tabelas nutricionais, em vez de valores analisados; (3) dúvida na matriz de fósforo fornecida pelos fornecedores de enzimas; (4) potencial de perda de atividade enzimática na ração final devido a erros de escala e/ou excesso de tratamento térmico durante o processo de peletização. Uma das perguntas feitas com frequência pelos nutricionistas é se eles podem, com uma alta dosagem de fitase, excluir completamente o fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte sem comprometer o desempenho e agravar os problemas ou problemas locomotores. Com o preço atual de mercado do fósforo inorgânico, os fabricantes de ração podem economizar uma quantia significativa de dinheiro se a matriz de fósforo de uma fitase eficaz for aplicada na sua totalidade. Nesta edição, um artigo recentemente aceito para publicação, conduzido por uma das grandes empresas integradoras de frangos de corte do Sudeste Asiático, apontará as questões acima mencionadas. O título é "Efeito de níveis alimentares gradativos de uma fitase avançada de E. coli associados a uma redução gradual do fosfato inorgânico suplementar sobre o desempenho produtivo de frangos de corte alimentados com dieta a base de milho e soja", de autoria de Poernama et al. (2020. Revista Brasileira de Ciência Avícola, Aguardando Publicação).

No estudo, 2.400 pintinhos de um dia obtidos de um incubatório comercial (Lohman Indian 85 River) foram distribuídos aleatoriamente em 5 tratamentos alimentares, com 16 baias de replicação por tratamento e 30 pintinhos por baia de piso. As dietas Controle Positivo, à base de milho e farelo de soja, continham 0,40/0,80%; 0,35/0,70% e 0,30/0,60% de fósforo disponível (P disp) e Ca total, respectivamente e foram fornecidas nos períodos de 0-10, 10- 25 e 26-42 dias após a eclosão (CP). Uma outra dieta CP (CP ++), contendo níveis adicionais de P disp e Ca (+ 0,05% de P disp/+ 0,1% de Ca) em relação à CP, foi formulada e incluída no estudo para avaliar se os níveis de P disp e de Ca da dieta CP eram limitantes.

Três dietas experimentais foram formuladas com 500, 1.000 e 1.500 FTU/kg de fitase associada, respectivamente, a uma matriz de P disp de 0,15; 0,19 e 0,23% e uma matriz fixa de Ca de 0,15%. O conteúdo de fósforo analisado nas dietas experimentais foi de 0,25 a 0,26%. Com base na formulação, a inclusão de fosfato monocálcico (FMC) em cada fase alimentar e o uso total de FMC em cada tratamento estão apresentados na figura 1. Como pode ser visto, as inclusões de FMC em todas as dietas foram significativamente menores, sendo o FMC completamente excluído das dietas crescimento e final suplementadas com 1.500 FTU, assim como das dietas finais suplementadas com 1.000 FTU de fitase avançada de E. coli (Quantum Blue, AB Vista). Mais importante, a quantidade total de FMC usada durante os 42 dias do ciclo total de produção foi reduzida de 34,3 na dieta CP para 13; 6,9 e 2,6 kg/t de ração nas dietas suplementadas com 500, 1.000 e 1.500 FTU de fitase associada com a matriz completa de P disp (figura 1).

Podemos excluir totalmente o fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte que contém altas dosagens de fitase? - Image 1

Figura 1. Inclusão de FMC (kg/t de ração) em cada fase alimentar (esquerda) e uso total de FMC do início ao final (direita) em dietas experimentais à base de milho e soja com adição gradativa de uma fitase avançada de E. coli aplicando a matriz completa de P disp (Quantum Blue, AB Vista; redesenhado de Poernama et al., 2020).

Essa economia equivale a 62, 80 e 92% de redução na inclusão de FMC devido às dosagens de 500, 1.000 e 1.500 FTU de fitase, respectivamente. Com o preço atual do fósforo inorgânico no mercado global, uma redução tão significativa certamente representará uma economia significativa no custo da dieta.

Os resultados de desempenho estão apresentados na figura 2. A suplementação adicional com 0,05% de P disp e 0,1% de Ca total (PC++) não melhorou o desempenho em qualquer uma das fases e também não reduziu significativamente o peso vivo nos primeiros 10 dias (P<0,05), indicando que os teores de Ca e P disp na dieta Controle (CP) não foram limitantes para o crescimento ideal. Assim, a redução gradativa de FMC adicionado, associada à suplementação com dosagens crescentes de fitase e à aplicação da matriz de P disp, não causou um impacto no peso total e na CA aos 42 dias, embora dosagens de fitase >1.000 FTU com aplicação da respectiva matriz de P disp tenham aumentado significativamente o peso vivo nas fases inicial e crescimento.

 Podemos excluir totalmente o fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte que contém altas dosagens de fitase? - Image 2

 

Figura 2. Ganho de peso (esquerda) e conversão alimentar (direita) de frangos de corte alimentados com dietas experimentais à base de milho e soja com adição gradativa de uma fitase avançada de E. coli (Quantum Blue, AB Vista) e aplicação de matriz de P disp. ^ indica significativamente menor, enquanto * indica significativamente melhor que o CP (redesenhado de Poernama et al., 2020).

Uma questão importante a ser considerada quando a superdosagem de fitase é adotada como uma estratégia alimentar para reduzir a inclusão de fósforo inorgânico é que as fitases comerciais disponíveis no mercado apresentam uma diferença significativa em sua capacidade de hidrolisar o fósforo fíitico. Como pode ser visto na figura 3, a eficácia da fitase em hidrolisar o fósforo fítico torna-se ainda mais importante quando dosagens mais altas são aplicadas.

Podemos excluir totalmente o fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte que contém altas dosagens de fitase? - Image 3

Figura 3. Liberação de fósforo disponível (P disp) conforme as dosagens crescentes de fitases diferentes (matriz nutricional publicada pelas empresas fornecedoras).

Concluindo, os resultados fornecem uma resposta para a discussão inicial: a adição de fósforo inorgânico pode ser completamente substituída pela superdosagem de uma fitase eficaz. Demonstrou-se que a redução significativa ou até a exclusão completa de fósforo inorgânico das dietas para frangos de corte suplementadas com 1.000 ou 1.500 FTU de Quantum Blue associada à aplicação de matriz completa de P disp garantiu o desempenho produtivo ideal de frangos de corte. Considerando o aumento do preço do fósforo inorgânico no mercado, existe uma oportunidade significativa para os fabricantes de ração e empresas integradoras em reduzirem o custo da dieta e também a poluição de fósforo pela produção animal, através do aproveitamento da contribuição máxima da matriz de altas dosagens de uma fitase eficaz como estratégia alimentar. A AB Vista fornece o serviço NIR para análise instantânea do conteúdo de fósforo fítico nos ingredientes e na ração final e ainda, o kit de teste de fitase para ser realizado no local, o qual fornece confiabilidade no uso da matriz de P disp e minimiza o risco de menor atividade da fitase que a esperada na ração final.

Referências bibliográficas

 
Autor/s.
 
remove_red_eye 237 forum 0 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
Produtos
Quantum Blue O que muda para a superdosagem é a quantidade de produ...