McDonald´s nos Estados Unidos age para eliminar o uso de celas de gestação

Data de publicação : 08/03/2012
Fonte : HSI.

A rede McDonald's anunciou na semana passada que vai exigir que seus fornecedores de carne suína dos Estados Unidos definam seus planos para a eliminação gradual do confinamento de porcas reprodutoras em celas de gestação, um movimento apoiado pela Humane Society of the United States e Humane Society International.

A ação do McDonalds nos Estados Unidos é apoiada por especialistas independentes líderes em bem-estar animal, como a renomada cientista Drª. Temple Grandin. "Mudar das celas de gestação para melhores alternativas vai beneficiar o bem-estar das porcas e eu fico contente em ver o McDonald's trabalhando com seus fornecedores para esse fim", afirma Dra . Grandin.

"A HSI têm trabalhado há muito tempo para a eliminação do uso das celas de gestação e o comunicado do McDonald's nos Estados Unidos é promissor", disse Guilherme Carvalho, Gerente de Campanhas da HSI no Brasil. "Todos os animais merecem um trato humano, inclusive os animais criados para consumo no país."

No Brasil, aproximadamente 1,5 milhão de porcas reprodutoras são confinadas em celas de gestação - individuais e de metal - por quase toda sua vida. As celas têm praticamente o tamanho do corpo do animal, negando às porcas a possibilidade de se exercitar, se virar durante meses ou realizar outros comportamentes naturais. A Humane Society International trabalha no Brasil para eliminar a cruel prática de confinamento nas celas de gestação.

 
remove_red_eye 934 forum 29 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
Copyright © 1999-2022 Engormix - All Rights Reserved