Brasil - Mercoláctea: Nutron apresenta tecnologia inédita

Data de publicação : 08/04/2008
Fonte : Mercolactea
As informações de vídeo
Ver mais
A Nutron em parceria com a IGENITY® , divisão de serviços genéticos da Merial, vai lançar no mercado brasileiro uma ferramenta que permite que produtores de leite aumentem seus lucros através da utilização de tecnologia de DNA

A tecnologia de ponta que será apresentada na Mercoláctea Milk Fair, em Chapecó de 08 a 11 de abril, vai dar aos produtores de leite a possibilidade de obter conhecimento antecipado sobre o potencial produtivo dos animais, ao invés de descobri-lo apenas após seu sucesso ou fracasso na produção. A tecnologia, que consiste em uma análise de DNA bovino, permite identificar o potencial genético de bovinos de leite para características zootécnicas, produtivas e economicamente importantes. Os kits que já estão disponíveis no Brasil, são marcadores genéticos que vão identificar o potencial do animal e permitir um manejo nutricional adequado.

Este é mais um recurso para melhorar a eficiência e o lucro das operações dos produtores, além de agregar valor à indústria, destaca as empresas que trouxeram a tecnologia para o país. Segundo o Engenheiro Agrônomo e Diretor da Nutron Celso Mello, os marcadores vão ser utilizados como ferramenta de campo para otimização de manejos nutricionais diferenciados. “O conhecimento do perfil genético das vacas e novilhas permite que se tome decisões sobre as melhores dietas, evitando-se desperdícios ou subaproveitamento do potencial leiteiro de determinados animais”, afirma Celso.

O lançamento que será feito na Mercoláctea Milk Fair, na quarta feira, dia 10 de abril, vai revolucionar a produção de leite, pois os marcadores moleculares permitem identificar, por meio de análises de DNA, bovinos com maior e menor potencial genético para determinadas características produtivas. Por exemplo: produção de leite, produção de gordura e proteína, percentuais de gordura e proteína no leite, longevidade produtiva, fertilidade, proteínas do queijo, doenças genéticas, entre outros. Informações que podem guiar o manejo, nutrição e potenciais desse animal, além de oferecer para indústria leiteira um produto adequado para cada fim, de acordo com as características do leite produzido.

Entre as vantagens para o produtor que já utiliza a nutrição da Nutron, o médico veterinário César Aleixo, Gerente Técnico de Lácteos da Nutron destaca que “Identificando os animais de melhor potencial de produção, pode-se estabelecer um programa nutricional diferenciado para eles. E para o produtor, essa tecnologia funciona ainda como uma ferramenta adicional no processo decisório de acasalamento genético”.

Na prática, a técnica permite aos produtores direcionar com extrema rapidez o melhoramento genético do rebanho, para ressaltar características produtivas de interesse. “Um produtor de leite, quer venda leite como commodity, quer seja mais bem remunerado por qualidade, como maiores níveis de gordura e proteína, poderá selecionar pelo acasalamento, reposição ou descarte. Ou ainda adquirir animais capazes de aumentar o potencial genético das características desejadas no rebanho. Um selecionador, que busca touros para testes de progênie, pode economizar muito tempo e dinheiro avaliando apenas animais com o perfil genético apropriado”, explica o gerente IGENITY®. Henry Berger.


Marcadores genéticos

Trata-se de informações sobre o perfil genético de animais/rebanhos que ajudam os produtores a selecionar, manejar e administrar a produção de leite e seu respectivo mercado de uma maneira mais eficiente. “Os marcadores genéticos representam um marco na tomada de decisões sobre melhoramento genético, manejo reprodutivo, nutricional, descarte e reposição de animais. Conseqüentemente permitem acelerar a obtenção de rebanhos homogêneos, saltos no potencial produtivo de leite e derivados com as qualidades valorizadas pelo mercado”, complementa o Gerente IGENITY®.

Com estas informações, é possível promover-se seleção, manejo e marketing assistidos por marcadores moleculares no rebanho de acordo com os objetivos econômicos da propriedade. De acordo com o médico veterinário César Aleixo, Gerente Técnico de Lácteos da Nutron a parceria vai tornar essa tecnologia mais acessível “Nossa prioridade foi a de juntar esforços no sentido de facilitar o acesso desta nova tecnologia aos produtores de leite”.

O médico veterinário explica que a tecnologia vai ajudar o produtor a reduzir custo de produção, na medida em que a tecnologia ajuda a direcionar os esforços para os animais de melhor potencial. “A estratégia da Nutron com essa parceria foi a de fortalecer o produtor de leite, dando a eles melhor condição de crescimento na atividade. As duas empresas, Merial e Nutron, se complementam em vários aspectos, com possibilidade de crescimento mútuo”, afirmou.

Na prática a tecnologia vai chegar ao campo através dos técnicos da Nutron, que auxiliados por um especialista designado pela Merial, vão oferecer os kits de amostragem para os produtores de leite de todo o Brasil “Com essa tecnologia a Nutron passa a oferecer um serviço ainda mais completo para o produtor, pois estamos agregando mais um produto de reconhecido valor ao nosso portifólio de produtos e serviços destinados ao produtor de leite” destacou Gerente Técnico de Lácteos da Nutron.


Nutron premiada como melhor empresa de ração

O prêmio “Melhores do Agronegócio” concedido pela Revista Globo Rural para empresas do setor agropecuário destacou a Nutron como fornecedora de ração. A empresa, subsidiária do grupo holandês Provimi, é reconhecida internacionalmente pela inovação e tecnologia a serviço da alimentação animal com produtos de alta qualidade.

Na Nutron as atenções dos pesquisadores e veterinários do setor de bovinos de leite estão voltadas para uma alimentação com o objetivo principal de obter animais sadios e produtivos. Estas metas são essenciais para o produtor moderno, que se defronta com um mercado cada vez mais competitivo e eficiente. Um exemplo é o programa NUTRON para alimentação de bovinos leiteiros que atende de forma diferenciada à bezerras/terneiras, desde o nascimento até os 2 meses de idade; novilhas, de 3 meses de idade até 30 dias antes do parto; novilhas / vacas no período seco , 60 dias antes do parto e alimentação de novilhas / vacas em lactação.

Durante a Mercoláctea a Nutron vai promover um happy hour para imprensa e bate papo com especialistas no estande da empresa, quando vai ser apresentada a parceria com a IGENITY®.
 
remove_red_eye 1078 forum 0 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
   | 
Copyright © 1999-2020 Engormix - All Rights Reserved