Genética: Programa BRGN registra nascimento de animais superiores.

Data de publicação : 04/06/2012
Fonte : Portal DBO

O programa de melhoramento genético do rebanho Nelore BRGN já atingiu um dos seus objetivos: o de multiplicar animais de elevado mérito genético.

A ABCZ é a instituição responsável pelo controle e registro dos animais BRGN. A prova disso é a evolução a cada geração. "Os atuais bezerros estão melhores que seus pais. Isso é fruto de uma boa seleção e de um trabalho genético constante. Hoje, o gado da Embrapa está entre os melhores do Brasil", afirma o técnico e jurado da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), Rodrigo Cançado.

Há dois anos, o técnico da ABCZ acompanha o rebanho da Embrapa Cerrados, localizada em Planaltina, DF. A ABCZ é a instituição responsável pelo controle e registro dos animais BRGN. Na fase de controle, o técnico verifica o crescimento e o padrão racial dos animais, principalmente, as características de carcaça. O controle da ABCZ é feito semestralmente.

Na última semana de maio, foi feito o registro de nascimento de 90 animais. Todos foram marcados com o carimbo da ABCZ. O registro de nascimento é feito até o período de desmame do animal. Ao atingir idade superior a 18 meses, o animal recebe o registro definitivo, quando a ABCZ faz um novo controle.

Melhoramento genético - Três touros - BRGN 364, BRGN 590 e BRGN 592 - estão se destacando na reprodução, gerando filhos com características superiores as suas. "Estamos verificando um progresso genético. Touros produzidos no rebanho BRGN estão deixando filhos excepcionais", declara o pesquisador da Embrapa Cerrados e coordenador do programa de melhoramento BRGN, Cláudio Magnabosco.

Em 2010, o número de nascimentos foi de 108. No entanto, a meta é de 150 novos animais por ano. Com essa média será possível atender as necessidades do projeto e de mercado. De acordo com Magnabosco, o rebanho da Embrapa Cerrados deverá estabilizar em 200 matrizes BRGN, que devem produzir, no mínimo, 150 animais/ano, entre machos e fêmeas.

Progressivamente algumas características de qualidade de carne devem ser incorporadas como critérios de seleção. Em 2012, as características de rendimento e acabamento de carcaça já serão observadas. Pesquisas estão sendo desenvolvidas para conhecer a variabilidade genética para a maciez da carne, com o objetivo de, até 2014, acrescentar no rebanho BRGN essa importante característica.

O melhoramento genético do rebanho representa ganhos para pecuaristas e consumidores. A tecnologia permite o aumento da eficiência produtiva na pecuária, a identificação de animais geneticamente superiores para habilidade materna, maior crescimento, fertilidade e precocidade. As ações do programa são conduzidas em parceria com várias instituições, tanto públicas quanto da iniciativa privada. Entre elas, a Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP) e Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). As informações são da assessoria de imprensa da Embrapa Cerrados.

 
remove_red_eye 383 forum 0 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
   | 
Copyright © 1999-2019 Engormix - All Rights Reserved