Galinhas engordam com farinha de tripas de peixe

Data de publicação : 19/04/2019
Fonte : Agrolink

A utilização de farinha de vísceras de peixes na alimentação de frangos pode fazer o peso das aves aumentarem 46,6%. Após seis semanas de recebimento do suplemento de farinha, equivalente a 10% da dieta, os frangos pesavam até 2,2 quilos, enquanto os que receberam a alimentação convencional chegaram a 1,5 quilos.

Foi isso que informou a engenheira agroindustrial Latife Luquez Pérez, candidata a mestrado em Ciências Agrárias da Universidade Nacional da Colômbia (UN) Sede Palmira, que determinou que as vísceras que os pescadores lançarem no pântano de Zapatosa têm um importante potencial nutricional. A esse respeito, observa que 50 de cada 100 gramas desse resíduo correspondem a proteína, 25 a gordura, 15 a minerais e os 10 restantes a fibras e carboidratos.

"O índice de proteína das vísceras é semelhante ao encontrado no farelo de soja, que é amplamente utilizado na produção animal. Por esse motivo, o uso desse lixo fortaleceria a economia das famílias de pescadores, muitas das quais que sobrevivem com baixa renda ", diz a pesquisadora.

Inovações tecnológicas, como a produção de farinha, que elas próprias podem realizar, fortaleceriam a avicultura na área como uma segunda atividade produtiva e, assim, ajudariam a reduzir a exploração excessiva da pesca. A produção de farinha de vísceras de peixe também ajuda a mitigar a poluição do pântano de Zapatosa e trazer as soluções locais, adverte a engenheira agroindustrial.

As vísceras representam em torno de 10% do peso dos peixes de água doce, em média. Nesta linha, tomando como referência um relatório do Serviço Colombiano de Estatísticas de Pesca, nos últimos cinco anos, 406 toneladas desses resíduos foram despejadas no pântano, sem contar a pesca ilegal ou não declarada.

 
remove_red_eye 215 forum 9 bar_chart Estatísticas share print
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
   | 
Copyright © 1999-2020 Engormix - All Rights Reserved