Avicultura do futuro, qual o caminho?

Data de publicação : 25/04/2019
Fonte : Cidinei Miotto

 As aves são, em disparado, importantes fontes para produção de proteína de alta qualidade, e têm grande relevância na agroindústria mundial, dada sua eficiência alimentar, taxa de crescimento diário e índice de rendimento de carcaça no abatedouro.

Segundo dados da FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura) até 2024 é esperado um crescimento de 22% no consumo de carne de frango, ao passo que a participação do Brasil nesse mercado aumentará para 31%.

Esse aumento será necessário devido a projeção de incremento da população mundial. A ONU (Organização das Nações Unidas), estima que até 2024 seremos mais de 8 bilhões de pessoas. Mas, a ampliação do consumo não tem um fator único, a Organização também considera a maior renda da população, principalmente em países em desenvolvimento, fazendo com que as pessoas busquem alternativas melhores para a alimentação.

“É possível afirmar que a demanda por frango continuará crescendo, tendo em vista sua qualidade, seu preço e também por se tratar de uma carne que não tem qualquer restrição de consumo, seja cultural ou religioso”, diz o Líder Nacional de Avicultura da Cargill Nutrição Animal - Nutron, Cidinei Miotto.

E para suprir essa necessidade e se enquadrar nesse cenário, será indispensável que as empresas se preocupem com a nutrição de precisão, diminuindo as margens de segurança nas formulações. “Quando temos maiores margens de segurança, temos mais nutrientes disponíveis para os microrganismos que habitam o intestino e isto compromete a saúde das células intestinais”, acrescenta.

Dessa forma, as agroindústrias precisarão investir cada vez mais na avaliação da qualidade dos ingredientes das dietas, conhecer melhor seus fornecedores, ter laboratórios qualificados para fazer um acompanhamento imediato e também ter a capacidade de segregar os ingredientes, de acordo com suas características nutricionais.

Nesse ponto, ferramentas que consigam antecipar qualquer fato relevante que possa influenciar o potencial de produção dos frangos, e maximizar a probabilidade de tomadas de decisão cada vez mais assertivas. Nesta necessidade, a Cargill oferece uma solução integrada que melhora o desempenho operacional e traz maior consolidação da indústria.

A plataforma Nutron Poultry reúne experts em produção avícola, amplo portfólio de produtos, módulos completos em serviços e tecnologias digitais, aplicando verdadeiramente o conceito de Nutrição de Precisão e apoiando as diferentes etapas da produção animal, sempre com o objetivo de rentabilizar o negócio dos clientes.

O objetivo da tecnologia é auxilia as empresas produtoras de aves a enfrentarem os desafios de uma avicultura moderna e globalizada, oferecendo suporte para identificar as necessidades do negócio e encontrar soluções que entreguem os melhores resultados. “A plataforma integrada permite ter acesso a um portfólio completo de produtos e serviços, aliando atendimento técnico de alto nível nas diferentes etapas de produção”, explica Miotto.

Outro fator importante nessa discussão sobre o futuro da produção avícola é a adoção de antibióticos. Para Miotto a utilização desse tipo de promotores de crescimento diminuirá significativamente nos próximos anos, tanto na indústria destinada à exportação, quanto naquela destinada a produção para um mercado local. “Existe demanda crescente para aditivos alternativos. Neste sentido, a Cargill possui um amplo portfólio de soluções para atender esta nova realidade”.

 
remove_red_eye 294 forum 3 bar_chart Estatísticas share print
"Curtidas" do Influencers: Vincenzo Mastrogiacomo, Sandra Rodrigues
Compartilhar :
close
Ver todos os comentários
 
   | 
Copyright © 1999-2020 Engormix - All Rights Reserved